Portes grátis para compras superiores a 29€ para Portugal continental e a 40€ para Açores e Madeira / Levantamento sem custos no nosso escritório em Lisboa

COMO EVITAR O DESPERDÍCIO ALIMENTAR

Escrito em 30 de novembro de 2021

COMO EVITAR O DESPERDÍCIO ALIMENTAR

O desperdício alimentar é uma preocupação crescente a nível mundial, sobretudo num contexto em que há mais de 820 milhões de pessoas em todo o mundo em estado de subnutrição, como revelam os dados mais recentes disponibilizados pela (FAO) das Nações Unidas.

 É um problema que se coloca em todas as fases do ciclo de vida dos alimentos (colheita, produção, distribuição e nas nossas próprias casas).

 A produção dos alimentos teve entretanto profundos impactos ambientais, mas também económicos e sociais.

Já pensaste nos recursos naturais, humanos, financeiros e energéticos consumidos para que os alimentos cheguem à tua despensa?

Ao deitarmos alimentos ao lixo, seja porque passou o prazo de validade, seja porque sobraram no prato, não estás só a desperdiçar o dinheiro que pagaste por eles, mas também a desperdiçar todos os recursos que esses mesmos alimentos já absorveram até chegar à tua mesa.

Cabe-nos, a todos, combater o desperdício alimentar. O contributo individual pode fazer uma grande diferença na luta contra a fome e na preservação do ambiente. Tudo começa por estarmos conscientes do problema e procurar mudar alguns hábitos e rotinas diárias.

Sabe como contribuir para o combate ao desperdício alimentar, um problema com um profundo impacto económico, social e ambiental.

 

Deixamos algumas recomendações  indicadas pela União Europeia para te ajudar a prevenir o desperdício. 

EM CASA

  • Planeia as tuas refeições.
  • Faz compras com maior frequência e compra menores quantidades de cada vez. Se comprares muito, uma parte pode acabar por ir parar ao lixo.
  • Começa por utilizar os legumes e as frutas mais maduras e só depois as mais verdes:
  • Fruta imperfeita ou demasiado madura pode ser transformada em batidos, geleias ou tartes, por exemplo.
  • Faz torradas com o pão do dia anterior.
  • Aproveita a água da cozedura dos legumes para sopas e para caldos.
  • Não deites fora as cascas de determinados legumes ou frutas, pois podes aproveitá-las para fazer outros pratos e até chá ou compotas.
  • Verifica as datas de validade e garante que vais utilizar os alimentos.
  • Sabe a diferença entre “Consumir até” (indica a data limite de um produto e como tal, até quando deve ser consumido) e “Consumir de preferência antes de” (data indicativa de durabilidade mínima, é também a data até à qual o alimento conserva as suas propriedades específicas. O produto pode ser consumido desde que as regras de conservação sejam respeitadas).
  • Congela os alimentos já cozinhados, sempre que possível. Assim, poderás ter refeições saudáveis já preparadas para quando tiveres pouco tempo. adequadamente.
  • Partilhe os excedentes alimentares com familiares, amigos, colegas de trabalho ou vizinhos.

 

QUANDO VAIS ÀS COMPRAS

  • Verifica quais os alimentos que tens em casa antes de fazeres uma lista de compras.
  • Compra apenas aquilo que precisas.
  • Evita fazeres compras quando tiveres fome e não vás com pressa ao supermercado, pois corres o risco de chegar a casa com mais do que aquilo de que precisas.
  • Compra apenas a quantidade de precisa. Prefere compras a granel.
  • Escolhe fruta e produtos hortícolas imperfeitos. Está atenta/o a descontos ou a outras promoções de fruta e produtos hortícolas imperfeitos.
     

QUANDO VAIS A CAFÉS, RESTAURANTES E HOTÉIS

  •  Utiliza um prato mais pequeno no buffet para doseares melhor as suas refeições.
  • Leva o que sobrou da tua refeição para casa. Se não conseguires comer tudo, leva o teu próprio recipiente, para levares e comeres mais tarde.
  • Adapta as tuas expetativas. Não esperes ter toda a variedade de alimentos à tua disposição a todas as horas do dia, pois isso podes querer dizer que os cafés e restaurantes acabam por desperdiçar comida.
     

PROJETOS PARA EVITAR O DESPERDÍCIO

A Phenix e a To Good to Go são aplicações gratuitas que permitem comprar, a baixo preço, os excedentes de comida que restaurantes, padarias, pastelarias, mercearias e frutarias não chegam a vender ao longo do dia.

 O Good After é um supermercado online que combate o desperdício alimentar com produtos com menor prazo de validade ou porque foram descontinuados das grandes cadeias de supermercados. São vendidos com descontos a partir de 50%.

 Projetos como o ReFood, Zero Desperdício, Dose Certa, Fruta Feia também ajudam a combater a problemática do desperdício alimentar, unindo-se não só a particulares, mas também a restaurantes e estabelecimentos comerciais.


×